Será que seu casamento acabou?

Segundo pesquisa feita pela Universidade dos Texas, nos EUA, constataram que em média, os sinais do fim de um relacionamento podem aparecer nas redes sociais até 3 meses antes de terminar definitivamente.

A pesquisa publicada em fevereiro de 2021 no periódico científico científico Proceedings of the National Academy of Sciences, que usou um programa de computador que analisa padrões de linguagem, descobriu que antes da separação, algumas pessoas começaram a usar mais as palavras “eu”, pois queriam reforçar seu valor como indivíduo. E posts com teor analítico foram substituídos por textos informativos e narrativas pessoais.

Agora, confira nossas dicas para identificar se o relacionamento está caminhando para o fim.

 

Leia também: 3 sinais de que o par talvez esteja querendo terminar o relacionamento

 

Brigas sem fim

 

Atualmente, há a falta de respeito, desentendimentos e tudo é motivo para discussão? 

 

Desejar que o outro termine a relação

 

Com medo de ter que carregar a culpa de ter terminado um relacionamento que parecia estável, definitivamente você torce para que o outro termine a relação.

 

Vocês não conversam mais

 

Existe falta de diálogo entre vocês. Assim como, não existe mais aquelas longas conversas que tinham antigamente.

 

Colocam os filhos em primeiro lugar

 

Claro que existem momentos na vida de uma família que isso é importante e necessário, contudo, canalizar toda a energia para os filhos pode ser uma ação negativa a longo prazo, principalmente quando o relacionamento está fragilizado.

 

Portanto, uma relação deve ser baseada no respeito, no diálogo e confiança. A partir do momento que alguma dessas bases se enfraquece surgem problemas. 

Por fim, inicie a terapia para lidar melhor com a situação.

Quer conversar? Entre em contato conosco! Temos uma equipe pronta para te ajudar! 

 

Uma resposta

  1. Muitas vezes as pessoas se acomodam na relação que de relação, de fato, Não existe mais. Há 5 anos meu irmão e a esposa estão aposentados em tempo concomitante (ela aposentou antes dele)! Mesmo assim, quando ele teve uma emergência médica, o filho estava junto e noutra ocasião ele justificaria que ela havia ido a um compromisso ou simplesmente dado uma saída! Ela estava perto, nessa conversa e nem interagiu!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×